Pavei Armas

Lojistas Armas de Fogo 18 de maio de 2022

Simpósio no Exército traz esclarecimentos sobre CACs

Reunião técnica no Piauí explanou sobre regras de fiscalização em lojas e clubes, procedimentos de controle de habitualidade do atirador e de abordagem aos CACs

A expansão do número de Colecionadores, Atiradores e Caçadores (CACs), entidades de tiro e também lojistas do segmento de armamento em todo o Brasil consequentemente aumentou a demanda de procedimentos para o Exército Brasileiro dentro do Sistema de Fiscalização de Produtos Controlados (SFPC).

Assuntos ligados ao tema foram debatidos num Simpósio sobre CACs no dia 12 de maio, conduzido por militares da Seção de Fiscalização do 25º Batalhão de Caçadores, no Estado do Piauí. Integrantes da Polícias Federal, Rodoviária, Civil e Militar também participaram da reunião técnica. O convite foi estendido a lojistas e representantes de entidades de tiro. 

O representante comercial da Pavei Armas no Piauí, Herley Siqueira Silva, acompanhou as instruções. Durante o Simpósio, os militares discorreram sobre as regras de fiscalização em lojas e clubes, os procedimentos de controle de habitualidade do atirador e de abordagem aos CACs. Além disso, os participantes puderam sanar dúvidas e buscar esclarecimentos.

Segundo Herley, o Simpósio foi uma abertura importante e as informações pertinentes serão repassadas aos lojistas do Piauí parceiros da Pavei Armas. “Antes o que era uma preocupação, agora a Polícia adotou um modelo padrão de abordagem. Outra questão levantada foi a diferença do tempo dos pedidos e das liberações de registros na Polícia Federal e no Exército, e o comprometimento de melhorar esse atendimento. O acompanhamento em relação a documentação, as fiscalizações, a assiduidade dos atiradores nos clubes, entre outros assuntos foram discutidos”, comenta.

a
x